qualidade de atendimento

Confira 3 dicas para melhorar a qualidade de atendimento

A satisfação do cliente é algo que fará com que ele compre um produto ou serviço de forma recorrente. Realizar um atendimento que sane as suas dores e dúvidas é essencial para criar esse elo permanente entre ele e a empresa.

Por isso, neste artigo será falado sobre a qualidade de atendimento ao cliente, sobre as formas de estabelecer essa comunicação e os procedimentos que serão decisivos para ele tomar uma decisão que culmine ou não em uma compra. Ficou interessado? Continue lendo!

Por que é importante a qualidade de atendimento ao cliente?

A tecnologia tem tornado o mercado mais competitivo. Isso implica em uma busca por formas eficientes de realizar um bom atendimento ao cliente. É importante que o consumidor seja bem atendido desde a abordagem, não significando que ele deve ser esquecido após a venda. Mesmo depois da compra, o comprador tem dúvidas sobre o uso de determinado produto. Portanto, um suporte no pós-venda para sanar essas dúvidas pode ser a chave para a fidelização desse cliente.

Quais são os quatro tipos de atendimento?

1. Cumprir tabela

Esse tipo de atendimento é caracterizado por preenchimento de papéis e cadastros em sistemas. É feito sem levar o cliente em consideração. Consiste em procedimentos puramente mecânicos em que não há o esforço em servir, mostrar disponibilidade e empatia.

2. Comissões

É quando o atendente quer apenas vender para bater as metas, ignorando quase que por completo o cliente. A qualidade do atendimento geralmente é ruim, pois ele não identifica com precisão os reais anseios e expectativas dos consumidores.

3. Básico

É o atendimento mínimo esperado. O cliente é abordado com educação e cordialidade, chegando a efetuar uma compra. Sem esse básico, sempre haverá um concorrente pronto para receber aquele comprador e fechar uma venda.

4. Encantador

Toda empresa deseja que os próprios clientes recomendem ela para os outros. Isso só é possível quando o atendimento vai além do básico, buscando identificar as dores, anseios e expectativas dos compradores. Uma coisa é certa: não raras vezes, consumidores levam em conta a qualidade do atendimento, até mais do que o próprio produto em si.

Quais são as três dicas mais importantes para fazer um atendimento encantador?

1. Entender o cliente

É de grande importância saber quais são os valores e as expectativas dos consumidores. É necessário compreender que o cliente atribui pesos e importâncias diferentes para cada elemento de uma compra. Para ele, o tempo de espera pode ser mais ou menos relevante, assim como o valor do produto.

2. Desenvolver uma cultura de atendimento

Missões e valores da empresa bem embasados não são suficientes na hora de fazer um atendimento voltado para o cliente. É nesse contexto que entra o conceito de cultura organizacional. A empresa deve ter um DNA próprio, e isso parte de uma colaboração de toda a equipe.

3. Desenvolver um padrão de atendimento

É a aplicação prática das duas dicas citadas anteriormente. Consiste em um processo bem definido que leva em consideração as alternativas de compra dos clientes, o descarte dessas alternativas e a recompra de um item substituto. É preciso ter em mente o que o consumidor precisa e espera em todas as etapas, desde a abordagem até o pós-venda.

Quais as consequências de não fazer o atendimento encantador?

Não existe nada pior do que ver um cliente sendo bem atendido e comprando do concorrente. Essa, provavelmente, é a primeira ação de uma pessoa que não foi atendida de forma encantadora. Outra consequência é a não recorrência na compra. Mesmo comprando um produto, se o cliente não receber o devido suporte no pós-venda, ele não desejará comprar novamente.

Para estabelecer um elo permanente entre empresa e consumidor, é necessário muito mais do que um bom produto. Como visto, empresa deve desenvolver uma cultura de atendimento voltada para o cliente e colocar isso em prática por meio de um padrão bem definido. Somente o atendimento encantador pode propiciar uma excelência de qualidade, visto que ele é o único que verdadeiramente identifica e norteia o cliente em todas as etapas de uma compra, inclusive no pós-venda.

O que achou? Para que mais pessoas possam se informar sobre o assunto, compartilhe este artigo nas redes sociais!

Plugmais Distribuidora

O blog da Plugmais Distribuidora está cheio de conteúdos de produtos de segurança eletrônica, redes e telecomunicação. Aprenda a agregar valor a sua venda.

Sem comentários

Cancelar