dimensionamento do sistema fotovoltaico

O que é dimensionamento do sistema fotovoltaico? Veja como é feito

Um dos fatores que influencia na quantidade de painéis em um sistema fotovoltaico é a incidência de raios solares. Como o Brasil tem uma vasta extensão territorial, é fácil inferir que a incidência de radiação não é algo uniforme.

Na região Nordeste, por exemplo, a quantidade de placas necessárias é ligeiramente maior do que na região Sul, pois, devido à inclinação da Terra, a região Sul recebe irradiação solar diária média maior que a Nordeste. Neste artigo, iremos no aprofundar sobre o que é dimensionamento do sistema fotovoltaico.

Ficou interessado no assunto? Então continue a leitura!

O que é dimensionamento do sistema fotovoltaico?

O dimensionamento consiste em determinar a quantidade de painéis necessários em uma residência para a geração de energia solar. Isso deve ser feito com base em pesquisas e levantamentos que envolvem equipamentos e tecnologias. Alguns fatores relevantes na hora de elaborar o projeto de dimensionamento são as condições técnicas do local e o perfil de consumo energético daquela residência.

Os componentes utilizados em um projeto do tipo são:

  • placas solares;
  • conexões e cabos;
  • sistemas de proteção;
  • inversor de frequência;
  • equipamento para manobra e controle.

Como fazer o dimensionamento do sistema fotovoltaico?

Acompanhe, a seguir, os aspectos que devem ser levados em conta para que o projeto seja executado conforme o esperado.

Coleta de dados

É preciso saber se a área em questão viabiliza ou não a execução desse tipo de projeto. Os profissionais devem contar com equipamentos específicos, como bússolas e inclinômetros, no intuito de fazer medições com o máximo de precisão.

Levantamento do consumo diário

É preciso solicitar ao cliente uma fatura do seu consumo mensal de energia. Depois, o profissional deve fazer o cálculo da média dos doze meses. Esse valor é imprescindível, pois é com base nele que os técnicos terão uma noção da quantidade de energia que módulos solares devem produzir. Também deve ser feito o cálculo do consumo diário dessa família.

Quantidade de módulos

A referência para determinar o número de módulos é a corrente diária, ou Ah (Ampere por hora). O cálculo é feito dividindo a potência diária de consumo (em Watts) pela tensão do sistema, que pode ser de 12 V ou 24 V. Depois, o valor obtido deve ser dividido novamente pela média de horas em que houver sol.

Também é importante salientar que existe uma tabela com os valores da corrente diária, de modo a facilitar a procura pelo módulo ideal. Se o valor não for inteiro, lembre-se de procurar um valor superior ao que foi encontrado. Além dos procedimentos citados, existem outras partes do projeto que devem ser alinhadas, como:

  • dimensionamento das baterias, em que o valor da corrente diária (em Ah) deve ser multiplicado por 5, para encontrar o equipamento ideal;
  • dimensionamento do inversor, que deve ter uma capacidade superior ao valor do consumo diário;
  • dimensionamento do controlador de carga, que tem por base a tensão de trabalho dos módulos e da corrente.

A incidência de raios solares não é uniforme no Brasil, em virtude de sua vasta extensão territorial. Logo, o dimensionamento do sistema fotovoltaico não é o mesmo, por exemplo, para as regiões Nordeste e Sul. Em resumo, é preciso coletar informações sobre a viabilidade do projeto, assim como conhecer o consumo de energia em uma residência. Com base nesse valor, será possível dimensionar os módulos e demais componentes do sistema.

O que achou do conteúdo? Para aumentar ainda mais os seus conhecimentos, aproveite agora para aprender como calcular o tamanho de um sistema fotovoltaico!

Plugmais Distribuidora

O blog da Plugmais Distribuidora está cheio de conteúdos de produtos de segurança eletrônica, redes e telecomunicação. Aprenda a agregar valor a sua venda.

Sem comentários

Cancelar