sistema CFTV

O que é um sistema CFTV?

Acompanhamos o crescimento da tecnologia, que cada vez mais têm nos surpreendido. E no sistema CFTV não tem sido diferente. Com o objetivo de monitorar, evitar acidentes, transmitir segurança, rever gravação, acesso remoto, etc, o Circuito Fechado de Televisão abrange de pequenas residências à empresas de grande porte.

Com câmeras analógicas e câmeras IP’s, o custo de uma solução varia muito, dando oportunidade para qualquer classe social aderir este sistema.

Quer saber mais sobre esse tipo de sistema? Então continue lendo o post para conhecer a fundo sobre o assunto!

Saiba o que é o sistema CFTV

Esse tipo de sistema pode ser utilizado para segurança em escolas, laboratórios de pesquisa, hospitais, empresas privadas, aeroportos e outros locais que necessitam de vigilância constante.

De modo sintético, refere-se à instalação estratégica das câmeras em locais do âmbito a ser fiscalizado, após um estudo feito do local. Nessa análise, fica estabelecida a qualidade e quantidade de câmeras que vão ser utilizadas.

Dessa forma, as imagens recebidas são divulgadas para diversos pontos de monitoramento, o que ajuda a redução da ação de criminosos onde o sistema foi implantando.

A monitoração por esse sistema tem como vantagens:

  • inibir a ação de criminosos;
  • reduzir os casos de furtos, roubos e assaltos;
  • proporcionar provas judiciais contra criminosos ou funcionários mal-intencionados;
  • aumentar a sensação de segurança;
  • potencializar as atividades de vigilância patrimonial.

Conheça a função do CFTV

Uma das grandes funções do CFTV é a possibilidade de vigiar o local de qualquer lugar, já que o sistema permite — em tempo real ou por meio de acesso de históricos gravados — o acompanhamento das atividades.

Além de possibilitar a visualização, a estratégia de câmeras grava e monitora imagens de ambientes variados e, sincronicamente, funciona diretamente com o elemento psicológico de dissuasão, pois o possível “criminoso” reconhece que está sendo monitorado e suas imagens vão ser salvas pelo sistema — o que inibe a prática criminosa.

Veja como o CFTV é implementado

A implantação de um CFTV em um lugar específico demanda algumas exigências, entre elas estabelecer se ele será analógico ou digital. Isso resulta na decisão direta do modelo da câmera de acordo com a maneira de operação e arquivo das imagens.

Tecnologia pregressa e mais global no mercado, o circuito analógico opera com câmeras que são ligadas aos aparelhos DVRs por meio de cabos para transmissão das imagens. Sem demora, o circuito digital aplica câmeras IP que se interligam diretamente com computadores da central de monitoramento por meio da rede. Isso revela que é viável operar qualquer câmera IP à distância, habilitar áudio, aplicar zoom e controlar o uso de luz infravermelha para uso noturno e trocar o ângulo, por exemplo.

De acordo com o que foi analisado no ambiente da instalação, alguns equipamentos são necessários para um bom funcionamento, como:

  • câmeras: analógicas, HD, Full HD ou IP;
  • cabeamento: coaxial ou cabo de rede (cabo UTP);
  • conectores: BNC, P4 ou baluns. Em caso da utilização do cabo UTP, o RJ45 macho;
  • fontes: individuais, colméias ou alimentadas pelo próprio cabo UTP por meio de baluns ativos.

Acerte no seu projeto

O CFTV é instalado para inspecionar ambientes e espaços, portanto componentes como mobília, arquitetura da edificação, circulação de pessoas, cercas e muros e até mesmo incidência da luz solar e a sombra devem ser levadas em consideração para preservar a qualidade das imagens.

Cada projeto de CFTV tem um objetivo e, por isso, características e necessidades diferentes. Veja a seguir o que é realmente preciso levar em consideração para não errar no projeto:

  • objetivo principal;
  • disposição das câmeras;
  • características do espaço;
  • incidência de luz e sombra;
  • câmeras de segurança;
  • cabos e emendas;
  • crimpagem.

De acordo com a necessidade de cada um é realizado um tipo de projeto onde nele varia a quantidade e qualidade dos materiais. Em resumo, o sistema CFTV é uma estratégia que se adapta conforme a sua necessidade, mas a sua maior meta é manter os usuários tranquilos e seguros em suas residências ou empresas.

Gostou do conteúdo do post? Então aproveite para nos seguir nas redes sociais e ficar atualizado com nosso conteúdo. Estamos no FacebookInstagram e Linkedin!

Plugmais Distribuidora

O blog da Plugmais Distribuidora está cheio de conteúdos de produtos de segurança eletrônica, redes e telecomunicação. Aprenda a agregar valor a sua venda.

Sem comentários

Cancelar